PSICOPEDAGOGIA

PSICOPEDAGOGIA

A Psicopedagogia, na sua prática clínica e preventiva, utiliza recursos específicos de diagnósticos e de intervenção. Ele intervém orientando os pais, os professores e ajuda o próprio indivíduo (ou grupo) a conhecer seus mecanismos de aprendizagem, entendendo-o como sujeito activo e protagonista deste processo.

QUANDO procurar um Psicopedagogo?

No momento em que o sujeito (adulto, jovem) percebe que uma das dimensões (cognitiva, relacional ou afectiva) foi afectada e que as outras também o serão, com o tempo. Logo, é importante a intervenção psicopedagógica.


Crianças:
• Problemas no controlo dos esfíncteres (enurese, encoprese)
• Agressividade infantil
• Problemas de comportamento
• Perturbações da linguagem
• Mentiras e furtos na infância
• Divórcio/separação dos pais
• Nascimento de irmãos/ciúmes
• Medos, fobias e ansiedade infantil
• Problemas com o sono
• Depressão infantil
• Problemas de integração (infantário, escola...)
• Avaliação das Competências Escolares (Dificuldades de aprendizagem)
• Avaliação do Desenvolvimento Cognitivo e Inteligência
• Exame de personalidade e avaliação do Desenvolvimento Socio-Emocional (hiperactividade, agressividade).
• Ludoterapia


Adolescentes
• Orientação escolar e profissional
• Problemas de comportamento
• Comportamentos de risco
• Medos, fobias, ansiedade
• Tristeza, apatia, depressão
• Problemas de sexualidade e/ou identidade sexual
• Problemas de integração social/escolar
• Dificuldades escolares
• Problemas de imagem corporal/ Baixa auto-estima
• Conflitos familiares
• Dificuldades nas relações amorosas


Adultos:
• Ansiedade e Stress
• Fobias e Medos
• Perturbação/Crises de Pânico
• Depressão, Tristeza
• Problemas relacionados com Sexualidade
• Obsessão e Compulsão
• Luto e perda
• Co-dependência/ dependência emocional/ dependência amorosa
• Dor/ Doença Crónica
• Separação/Divórcio
• Instabilidade emocional
• Problemas relacionais e amorosos
• Problemas comportamentais
• Desenvolvimento Pessoal e Auto-conhecimento
• Comportamentos Aditivos (álcool, substâncias, jogo)
• Situações de Crise (pessoal, familiar, profissional)
• Perturbações do Sono


É imprescindível saber escutar o outro a falar de si, dos seus sentimentos, partilhando as suas alegrias e tristezas, expressando e desenvolvendo as suas opiniões investindo no processo de auto-conhecimento, buscando melhorar a sua auto-estima e equilíbrio emocional.
 

Terapia Quantica, http://cantinhodasaude.webnode.pt/, www.vitalsil.pt,, www.natiris.pt, www.sovex.pt,

Equilibrio Humano, a empresa de Terapias Complementares da Linha.